terça-feira, 20 de janeiro de 2009

É PRECISO DAR A MÃO NO INÍCIO DA CAMINHADA!



Já todos me ouviram falar dos Sem-Abrigo e da Associação onde exerço voluntariado.
Disse-vos qual o perfil desta população e da dificuldade que muitas vezes (quase sempre) se tem em recuperá-los para a vida.
Pois nós, decidimos encetar uma nova caminhada, no sentido de os retirarmos da rua o maior tempo possível e ainda fazer-lhes despertar valores e competências que há muito - motivados pela vida a que foram obrigados, ou que eles próprios escolheram - desapareceram dos seus imaginários.
Criamos um espaço - ALBERGART - multifuncional, onde para além de artes decorativas com técnicas e materiais diferenciados, existe tempo para uma educação para a cidadania, para a saúde, para a autonomia tendente à saída da Associação rumo a uma profissão e vida estruturada.
Iniciamos com algum descrédito, no dia 12 de Novembro.
Podemos hoje dizer que está a ultrapassar as nossas expectativas e que o futuro sorri.
Já se fizeram todas as decorações do Natal, editou-se o 1º jornal - "Ponte de Viragem", e formou-se um pequeno coro que actuou na festa de Natal juntamente com um espaço de poesia.
Em 2009 muitos objectos foram já concluídos e deles vou deixar-vos algumas fotografias.
Afinal sempre é verdade que a situação de Sem-Abrigo, nem sempre é o fim da linha. É preciso sim dar-lhes a mão o mais cedo possível.

E quem sabe ... HOJE ELES... AMANHÃ PODEREMOS SER NÓS!








4 comentários:

Artista Maldito disse...

Olá Isabel(Licas)

Tenho uma prenda para o vosso projecto, ou antes uma proposta de um projecto que associa identidade, cidadania, arte.

Beijinhos
Isabel

Anjo Negro disse...

=)
tenho tantas saudades das artes isto deverá ser uma boa maneira de aprender

bjs

Sónia disse...

Que bela iniociativa!
Gostava de participar em algo deste género...

Sónia disse...

Licas - eu sei que as acessibilidades são boas, a questão é que trabalho dia inteiro, e faço tb uns trabalhitos em casa, não me resta muito tempo oara me deslocar lá...
Se aqui tivesse um local com idosos, crianças, gostava de ajudar. Já pensei inscrever-me no voluntariado de Famalicão, mas pelo que vi também não muita coisa...
De qualquer forma, se surgir um tempinho extra, vou pensar nisso. E se às vezes puder colaborar, mesmo longe, com ideias para actividades, ou às vezes roupas que não servem e que nem sei a quem dar(não sei se interessa), qualquer coisita, ficaria contente em ajudar.
Entretanto vamos falando.
Obrigada.